"Minha mente está cheia e eu estou transbordando" [Ira!]
"Acho que mais me imagino do que sou, ou o que sou não cabe no que consigo ser." [Ferreira Gullar]
"Quem fala em flor não diz tudo. Quem fala em dor diz demais. O poeta se torna mudo sem as palavras reais." [Ferreira Gullar]


- Não importa se é sem sentido, não importa se é sem significado. O importante é que escrevo e assim alivio. Seja bem-vindo ao meu mundo e voe por meus versos! Dê os devidos créditos e assim terá um mundo inteiro de palavras onde viver. Esse é meu mundo e se quiser fazer parte dele é só me seguir...

17 de janeiro de 2010

Últimas Linhas


Eu não pude ver a tempestade nos teus olhos porque eu me perdi na confusão das tuas palavras
E mesmo assim eu entendi que o que querias dizer era Adeus.
E então, entreguei-me a calmaria tortuosa dos braços da dor.
Mas enquanto deixava meu corpo cair no infinito eco da soledade, silenciosamente dizia-lhe com os olhos:
- ‘Amo-te’.
Tal declaração ficou perdida no escuro, de fato.
No entanto, sei que em seu íntimo sabias disso.
Sabe, fui bruscamente arrancada do sonho que outrora me preenchia e alegrava.
Esse foi teu ato mais cruel.
Arrancar minhas asas...
Impedir-me de voar.
Ao ponto que já me é mais do que apenas insuportável, não conseguir deixar de te amar.

~ Laura Ribeiro

12 comentários:

  1. Muito lindo teu poema, como sempre.
    Muito obrigada pelos comentários, é bom saber que tem alguém que se importa. Bjus
    Sabes que também podes contar comigo

    ResponderExcluir
  2. Estou até agora sem palavras...
    Não só pelo post que é ÓTIMO como por todo o blog...
    Muito perfeito *-*

    Ganhaste uma seguidora fiel ^.^

    Bejãooo ;*

    E te espero no meu blog, ok?
    Acho que você gostará dele ;p

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que incrivel esse poema gótico, a dor, a dor é um dos sentimentos mais intensos que o ser humano pode sentir.

    ResponderExcluir
  4. Amei seu blog, seu layout é muito lindo, e esse teu Quem sou eu me descreve totalmente, to te seguindo táh?!
    bjs...

    ResponderExcluir
  5. há, e se você deixar, eu adoraria postar esse teu texto no meu blog, mas é claro os creditos seriam seus!
    bjinhos...

    ResponderExcluir
  6. amar é assim, um incomensurável sentir que não para mais.

    ResponderExcluir
  7. Adorei o seu poema, é lindo como muitos outros seus que já li...
    Ah, vc poderia dar uma passadinha no meu blog, e dizer o que acha dele. É pensamentosqueatormentam.blogspot.com

    Bjss e brigadinha...

    ResponderExcluir
  8. Ei obrigada por me deixar postar, já postei tá?!
    bjs...

    ResponderExcluir
  9. Lindo seus poemas.. estou te seguindo n.n

    ResponderExcluir
  10. Não existe em terra ou em céu mau maior que o corte das asas que sobrevoam simplesmente por amar.
    Pode-se dizer que por amar perdemos o dom de voar, tal como o mergulho infinito de um anjo que deixas de voar para ter em seus braços um amor, que partiu e o prendeu em terra sem nunca mais poder voar...

    Muito bom o Post.
    Parabéns!

    ResponderExcluir

Diga o que achou de meus escritos... Caso deseje dizer algo mais, mande um e-mail para: laura.ske@hotmail.com
Agradeço pela visita, volte sempre ^^