"Minha mente está cheia e eu estou transbordando" [Ira!]
"Acho que mais me imagino do que sou, ou o que sou não cabe no que consigo ser." [Ferreira Gullar]
"Quem fala em flor não diz tudo. Quem fala em dor diz demais. O poeta se torna mudo sem as palavras reais." [Ferreira Gullar]


- Não importa se é sem sentido, não importa se é sem significado. O importante é que escrevo e assim alivio. Seja bem-vindo ao meu mundo e voe por meus versos! Dê os devidos créditos e assim terá um mundo inteiro de palavras onde viver. Esse é meu mundo e se quiser fazer parte dele é só me seguir...

22 de dezembro de 2008

Pra você...

-Pode ser que chegou a hora de me libertar totalmente-

Sim, sou covarde.
Não sei como me desculpar, não sei o que dizer
acontece que eu sei como é se sentir assim,e como sei
isso não foi intencional, mas minhas desculpas não vão aliviar sua dor, eu sei

Aviso..(fim do ano)

Bem, vou ficar fora por um bom tempo, é eu sei, não consigo viver sem a internet mas preciso descansar...
Vou viajar só semana que vem mas já vou me adiantar, porque preciso colocar meus pensamentos no lugar.
Ultimamente ando tendo decisões muito precipitadas e me arrependendo depois, ou pensado demais e me arrepender do que não fiz,
então, para tentar mudar isso, acho melhor me reorganizar, mais uma vez.

17 de dezembro de 2008

Negro ramo da dor..



Um negro ramo em mim brotou, seus espinhos cravaram em meu peito e ao menor sorriso que surgiu, a flor desabrochou. Era bela a simples flor, carregava dentro de si, vestígios de um novo amor... senti a chama voltar a arder, esta que há muito se apagara, mas reacendera-se ao surgir em mim, negros ramos em flor...
O mais puro néctar, entorpecendo-me de amor.

16 de dezembro de 2008

Quando eu disser adeus..

Vou apagar de vez
Cada passo teu
E eu só vou me curar quando eu disser adeus

Bittersweet (tradução)




Doce Amargura

Eu estou desistindo do fantasma do amor
Nas sombras expressas em devoção

15 de dezembro de 2008

Ofuscando a dor




Um sentimento verdadeiro não se deixa perder tão facilmente,
Tampouco se dissipa no ar de uma hora pra outra.
Mas um sentimento, por mais simples ou intenso que seja,
É como um cristal: belo, porém delicado...

14 de dezembro de 2008

Tudo tão estranho..


Isso tudo é tão estranho..
Ao meu redor tudo é tão claro e, no entanto, encontro-me em meio às trevas
Ouço vozes chamando meu nome, mas ninguém está falando
Vejo vultos, sinto a presença de alguém quando na verdade, não há ninguém comigo.

Fechando-me..


Fechando-me para o mundo
Fechando-me para a luz
Fechando-me para mim mesma...
Recuperando meu ser de dentro de um outro desprezível

6 de dezembro de 2008

Não sei ao certo... o.Ô


Não sei ao certo o que estou sentindo agora

É algo novo pra mim..

Algo que nunca senti.

Se for mais uma ferida, eu mesma faço questão em cutuca-la mais

Tão distante...


Tem vezes que sinto o mundo tão distante

Tem vezes que te sinto tão junto a mim..

Mas têm outras em que você não está comigo